O tempo voa!

 

Pois é! O tempo é sempre relativo... Quando penso que ainda faltam 6 meses e meio pra eu reencontrar minha família e amigos (ou pra comer um pastel com  cara de pastel mesmo hahaha) parece que está longe demais! Mas quando penso que já faz 4 meses que vim pra cá, sinto que o tempo está voando! Tenho apenas mais 6 meses e meio pra aproveitar cada segundo das aulas práticas que Deus tem me dado aqui; 6 meses e meio para aprender tudo o que Ele quer me ensinar neste ano! E quantas experiências maravilhosas Ele tem me proporcionado!

O mês de maio foi um ótimo mês! Estou começando a pegar o ritmo  dos  alunos na Escola, o ritmo da nossa rotina; já me acostumei a acordar às 4h30 da manhã e já fico chateada se durmo depois das 20h! hahaha A falta de internet por vezes dificulta as coisas, claro! Em alguns momentos ainda me pego pensando: “Preciso pesquisar tal coisa! Ah, não... Aqui não dá pra pesquisar nada! Tenho que esperar chegar na cidade!”

Mas a ausência de internet é também sinônimo de liberdade: liberdade pra viver sem se preocupar se tem novas notificações nas suas redes sociais; liberdade de acordar e não sentir a necessidade de logo pegar no celular e descobrir se alguém te mandou mensagens; liberdade pra trabalhar tranquilamente sem constantes interrupções do celular anunciando uma nova mensagem no Whatsapp; liberdade pra separar os primeiros minutos do seu dia para estar com Deus, tendo como trilha sonora o som dos pássaros, do vento, das árvores balançando. Essa pra mim é a melhor das sensações: acordar em paz, sem correrias; acordar feliz, porque tive uma boa noite de sono; acordar e, com sinceridade, agradecer a Deus por mais um dia que se inicia e pela oportunidade  de passar tempo com Ele e de aprender com Ele! Pra quem diz que não saberia viver sem internet, acredite: não é tão trágico assim; você pode viver experiências únicas no mundo fora das telas! 🙂



Image


 
 
Sobre a Autora

A Gisele é natural de São Paulo e se formou em Pedagogia e Ciências Biológicas. Começou a dar aulas na ETAM em fevereiro de 2018. 

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *